Zygopetalum

Conheça e cultive as orquídeas perfumadas do género Zygopetalum.

Para além de serem muito atrativas, com flores de bons tamanhos, bonitas cores com as sépalas e pétalas entre o verde e o castanho, muitas vezes manchadas e o labelo com um forte rosa, cor de vinho, azul ou branco, os Zygopetalum têm também um forte e agradável perfume. Tudo predicados que abonam a seu favor. O género é composto por cerca de quinze espécies originárias da América do Sul em países como o Peru, Bolívia, Paraguai, Argentina e principalmente no Brasil onde existem todas as espécies. Vivem em locais húmidos a baixa e média altitude e crescem tanto no solo florestal, como em fissuras de rochedos e também em árvores. São plantas fáceis de cultivar. Os vasos podem ser variados e a gosto de quem cultiva, desde os simples vasos de plástico, passando pelos vasos de barro e cestos. Não são plantas exigentes nesse aspeto. Os seus requisitos são mais no que conta ao substrato e à drenagem do mesmo. São plantas que gostam de estar sempre meio húmidas mas sem que o substrato esteja empapado em água. As raízes precisam de respirar. Muitas vezes crescem até para fora do vaso, onde devem permanecer. Assim, o substrato deverá reter alguma humidade mas tendo um bom arejamento e drenagem. Usam-se materiais como casca de pinheiro média (2-3cm), fibra de coco grossa e podemos juntar um pouco de perlite ou musgo de esfagno. Quando esses materiais ficam muito decompostos, com o passar do tempo, é altura de serem substituídos por novos. Os Zygopetalum são orquídeas que não têm período de repouso. A planta ou está a florir ou a desenvolver novos pseudobolbos e folhas. No inverno, com o frio, esse desenvolvimento é mais lento. As temperaturas ideais para cultivar estas orquídeas variam entre os 14 e os 28 graus centígrados mas podem ser cultivadas todo o ano no exterior desde que as plantas fiquem protegidas da chuva, das geadas, do sol direto durante as horas de maior calor e que fiquem num local bem arejado. No pino do Varão, deverão ser colocados num local mais à sombra e fresco. Se conseguir estas condições, experimente cultiva-los no exterior, senão, em casa, junto a uma janela sem sol direto, é o ideal. E espere pela primavera para colocar os seus Zygopetalum na rua, o ideal é quando as temperaturas começam a subir e assim a planta tem bastante tempo para, lentamente, se adaptar às variações de temperatura e ao local de cultivo. São relativamente fáceis de encontrar nos centros de jardinagem especializados. Normalmente são mais comuns os híbridos de flores muito belas e perfumadas. Definitivamente orquídeas obrigatórias em qualquer coleção.

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios *